Tem dias que não é fácil

Todo mundo tem direito a ter dias ruins

(e eu não vou dizer que tá tudo bem, porque todo mundo tem direito a ter dias ruins de merda) Hoje eu chorei. Era hora do almoço. Eu estava olhando o meu prato de arroz, feijão, um bife e dois pasteizinhos de vento. E chorando. O motivo do choro é porque eu vi algumas modelos na fila do quilo do restaurante do prédio aonde eu trabalho. Todas novas, todas altas, todas magras, todas com o mesmo corte de cabelo e a maioria com californianas no cabelo. Confesso que parte do meu sumiço é porque eu estava passando por uma semana […]

Continue Reading