O que é LAGOM e o que ele tem a ver com MINIMALISMO

Nem de mais, nem de menos. Lagom significa a quantidade certa, uma medida que pode ser aplicada a todas as facetas da nossa vida. Isso é o que é Lagom.

Lagom é um termo escandinavo que não tem uma tradução exata para o portugês. Esse conceito faz parte do estilo de vida sueco, e significa praticar um “ato de equilíbrio habilidoso” segundo Linnea Dunne – autora do livro Lagom – A arte sueca para uma vida equilibrada. É basicamente ter o suficiente de tudo: nem de mais nem de menos.

Lagom e Minimalismo

Mas o que o conceito sueco de Lagom tem a ver com o Minimalismo? Para mim, Lagom e minimalismo estão ligados. O meu minimalismo é uma busca por equilibrio, e uma vida mais feliz, realizada e leve. Aplicar o conceito de não ter coisas de mais, nem de menos e sim na medida certa para mim é a essencia do minimalismo.

Claro, para saber o que é suficiente para você, você precisa se conhecer. Mas evitar a falta ou os excessos pode ser uma prática muito benéfica de se ter. Manter o equilibrio, uma vida equilibrada em geral, é uma forma muito saudável de encarar a vida.

Lagom na minha vida

Depois de virar minha vida inteira de cabeça para baixo, eu tenho sentido mais e mais que preciso ter esse equilíbrio. Eu já conhecia o conceito de Lagom há um tempo, e sempre tentei praticar isso na minha vida. Mas quando mudei pro Canadá, comecei uma nova faculdade, um novo trabalho… As coisas ficaram um pouco fora de controle.

Foi quando eu voltei a ler e estudar sobre o assunto, e percebi que voltar a inserir mais Lagom na minha vida seria muito benéfico. Comecei a pegar só a quantidade de turnos que eu sabia que iria dar conta, sem prejudicar o meu salário. Comecei a colocar o esforço certo nos trabalhos da faculdade, e não fazer projetos fabulosos que eu não conseguiria completar com a minha sanidade intacta. Foi quando eu percebi que seria interessante fazer um vídeo sobre o assunto

Foi um assunto que me ajudou muito num momento em que a vida estava ficando um pouco descontrolada e a quantidade de coisas que eu estava fazendo estava um pouco esmagadora.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *