Minimalismo preto e branco? Muito além dos tons de cinza

Quando pensamos em minimalismo pela primeira vez, a imagem que nos vem à mente é uma pessoa que só usa preto e branco. Eu aposto que a maioria da população pensa isso em primeira instância. Mas será mesmo que o minimalismo é preto e branco?

Quando somos bombardeados por vídeos e textos do momento com o tema por aí, começamos a florear ainda mais esse “personagem” que construímos na imaginação.

O estereótipo perfeito do minimalista ou minimalista raiz, é aquele que possui 33 peças de roupas, toda a sua vida em “coisas” cabe em uma mala, usa preto, branco e variações de cinza; Mora em uma casa simples, pequena, sem muitos móveis e um kindle, por não possuir mais livros, às vezes pode produzir o que precisa para sua sobrevivência.

Bem assim, muito linear!

Quando eu comecei a pesquisar sobre o assunto: Minimalismo, o primeiro vídeo que assisti foi o documentário Minimalism, que você pode encontrar facilmente para assistir na Netflix.

Capa do documentário Minimalism

Veja meu texto sobre: Meu primeiro contato com o Minimalismo

O filme mostra como começou esse movimento na vida deles. Mostram suas casas com poucos móveis, poucas roupas, tons neutros, pessoas morando em espaços bem pequenos, muitas vezes 1 cômodo só.

Pesquisando no Youtube, me deparei com vídeos sobre armário cápsula, sobre viver apenas com 33 peças de roupas, sobre usar roupas neutras, sobre fazer o destralhe, jogar tudo fora, não ter mais livros físicos e não comprar mais.

Eu assisti muitos vídeos, inúmeros bem ruins, que me fizeram pensar que aquilo não era pra mim, que eu havia me confundido, que era muito difícil, etc, etc.

Mas é claro que não poderia ser pra mim, aquelas realidades não funcionavam na minha vida, pois não faziam parte de mim, a minha realidade é completamente diferente.

O minimalismo tem a ver com o que realmente importa pra você, que será diferente pra mim. Mais do que 33 peças de roupas, você deve ter aquilo que realmente combina e caiba no seu estilo atual.

Se você gosta de cores vibrantes e o seu estilo é cheio de estampas, você não deve jogar tudo fora e começar o seu armário do zero.

O minimalismo trata de uma vida com mais propósito, se pra você é importante ter 2 geladeiras, então tenha. Se todas as suas coisas não couberem em uma mala, tá tudo bem!

Se tratando da vida, ela não é uma matemática exata. Não temos um manual, tenha 30 peças de roupas: 5 calças, 2 blusas de frio, 1 shorts, 3 pijamas etc, não é assim que funciona.

E se você só gostar de usar saia? Se onde você mora é calor o ano todo?

Adapte a sua realidade, ter coisas que realmente importam, que te traz alegria como diria Marie Kondo, é o que realmente vai fazer a diferença na sua vida.

Facebook Comments

Veja também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *